Excertos

A mulher disse-lhe: “Os dois filhos mais velhos já pagam um bilhete de adulto. Portanto esse dinheiro não é suficiente.” O semblante do homem logo decaiu enquanto reabria e remexia a carteira como se um milagre pudesse acontecer… Foi nesse momento que Jorge muito discretamente abriu a sua carteira... Continuar a ler
Excerto do livro: A voz que não ouvi
Era o ano de 1970. Já por nove anos Portugal estava enviando militares para a guerra que “alguns chamaram de Guerra Colonial. Outros chamaram-na de Guerra do Ultramar e ainda outros, Guerra de Libertação”; começando por Angola e estendendo-se à Guiné e Moçambique. Era comum os soldados portugueses... Continuar a ler
Excerto do livro: A voz que não ouvi
Diversas coisas fascinantes, incluindo acontecimentos históricos, estavam englobadas no resumo que levou a entrevistadora a exclamar: O que acabámos de ouvir é tão tocante, que só as pedras poderiam ficar insensíveis! Manifestamente, a crescente emoção daquela numerosa assistência, a havia... Continuar a ler
Excerto do livro: A voz que não ouvi

Inspirado pelo que vejo
Ao meu redor observando
Escrevo sobre o que desejo
E o que não estou desejando.

Falo do que espero observar
Olhando ao redor um dia
E do que deve evaporar
Junto com a apatia.

Sem demagogia apelo
Ao que é útil, justo e belo
Dando-nos plena satisfação.

Sem a pretensão de... Continuar a ler
Excerto do livro: Reflexões Rimadas